CLASSIFICADOS

EXPEDIENTE

ANUNCIE

Jornal Estância de Atibaia

Deseja anunciar a sua marca, colocar um classificado ou conversar conosco?
Envie já o seu email para: jornalestanciadeatibaia@gmail.com

Whatzapp. (11) 9-4171-7001

CNPJ: 40.331.954/0001-00

0

FALA CIDADÃO

Participe

Participe do Fala Cidadão, nos envie sua reclamação ou elogio, de sua rua, bairro ou de nossa Atibaia, não esqueça de enviar fotos.

entre em contato pelo nosso E-mail
jornalestanc

0

Classificados GRATUITOS

Novos/Usados

CLASSIFICADOS DO JORNAL ESTANCIA DE ATIBAIA,
E GRATUITO,
NOS ENVIE POR EMAIL
jornalestanciadeatibaia@gmail.com

R$0,00

Terreno em Atibaia

Vende

VENDE – TERRENO – CHACARAS BRASIL, (EM FRENTE A ESCOLA), COMERCIAL, 1000M², VALOR, 345MIL, TR. 9-4171-7001

R$345.000

Vende Sobrado em Condominio

Imovel

VENDE – SOBRADO EM CONDOMINIO, 90M², 2 SUITES, SALA, COZINHA AMERICANA, PROX. A LUCAS, GARAGEM COBERTA 2 AUTOS, TR. 9-4016-8983 ou 9-4009-1842 COM INGRID

499.000

Locação Apartamento

Atibaia

LOCACAO, APARTAMENTO COM 80M², PROXIMO A LUCAS, 2 DORMITORIOS (1SUITE), 2 VAGAS NA GARAGEM, TERREO COM QUINTAL. TR. 9-4735-7651

com Jessica

Image-empty-state_edited_edited_edited.j

PRTB, de Levy Fidelix, protocola pedido para cancelamento das eleições

JORNAL ESTANCIA DE ATIBAIA

Legenda contesta judicialmente atraso na apuração das urnas e possível ação hacker sobre os sistemas do TSE.

Levy Fidelix, presidente do Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) e candidato derrotado à Prefeitura de São Paulo, anunciou que o partido entrou na Justica Eleitoral com um pedido para “o cancelamento das eleições no TSE até que invasão das urnas seja esclarecida”. O anúncio foi feito por ele via redes sociais na tarde desta terça-feira (17/11).
Em 11° lugar nas votações do último domingo, Fidelix compartilhou ainda a peça jurídica de oito páginas em que o PRTB pede “esclarecimento a respeito da paralisação do sistema de totalização dos votos nas eleições municipais de 2020, sob pena de anulação”.
O partido utilizou reportagens sobre o atraso na apuração dos votos, ocasionado pela centralização da contagem, que era feita pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TRE), no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em Brasília.
A peça jurídica alega que há “graves indícios de irregularidade na apuração e divulgação dos resultados, após ataque externo (hackers) tanto no dia 12/11, quanto no dia 15, domingo, durante a realização das eleições”.
Em coletiva realizada nesta segunda-feira (17/11), o ministro presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, afirmou que o sistema do tribunal sofreu uma tentativa de invasão de hackers e que, em seguida, milícias digitais entraram em ação para desacreditar o sistema durante as votações.
Entretanto, Barroso garantiu que as tentativas de ataques ao sistema do TSE
não afetaram o resultados das eleições. Fonte: Metrópoles.

Image-empty-state_edited_edited_edited.j
Image-empty-state_edited_edited_edited.j
Image-empty-state_edited_edited_edited.j
Image-empty-state_edited_edited_edited.j
Image-empty-state_edited_edited_edited.j
Image-empty-state_edited_edited_edited.j
Image-empty-state_edited_edited_edited.j
Image-empty-state_edited_edited_edited.j
Image-empty-state_edited_edited_edited.j
Image-empty-state_edited_edited_edited.j