top of page
Banner_ESTANCIA_ATIBAIA_Ubs_Imperial_979x182.png
Banner_ESTANCIA_ATIBAIA_Ubs_Imperial_979x182.png
Buscar
  • Eduardo Negrão

BOLSONARO E AS MULHERES.


Prof. Eduardo Negrão
Prof. Eduardo Negrão

JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA

por: Prof. Eduardo Negrão


Dani Alonso, é diretora-executiva da ANAMACO (Associação Nacional dos Comerciantes de Materiais de Construção) e integrante da Executiva Nacional do PL, partido do presidente Bolsonaro, perguntada sobre a suposta misoginia do presidente, ela comentou:


‘O respeito à mulher não se limita a palavras mas às ações e isso o presidente Bolsonaro demonstrou desde sua posse quando abriu espaço para a 1ª dama, Michelle no seu melhor momento, na sua posse, permitindo que Michelle falasse antes que ele, em libras, tornando-a protagonista num momento que todos os presidentes anteriores optaram por brilhar sozinhos’.


Dani é candidata a deputada estadual e foi designada pelo partido do presidente como coordenadora do PL em mais de mais de 200 municípios. Ela lembra que Bolsonaro criou o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos (anteriormente eram apenas Secretarias de Políticas para as Mulheres e Secretaria de Direitos Humanos), mas não foi apenas a criação do ministério, ele deu um protagonismo à ministra Damares Alves (Republicanos) que hoje ela disputa com grandes chances uma vaga ao senado por Brasília e a principal concorrente dela é outra ex-ministra de Bolsonaro, Flavia Arruda do PL.


No Mato Grosso do Sul, a ex-ministra da Agricultura, Tereza Cristina lidera com folga a corrida para vaga ao senado com 30% das intenções de voto, o segundo colocado está distante com apenas 15%. A conservadora Ana Campagnolo também do PL deve ser a mais votada para a Assembleia Catarinense. O mesmo deve acontecer com a jornalista Samanta Cavalca (PL-PI) que deve ter uma votação expressiva para a Assembleia Piauiense.


Dani destaca que muitas candidatas que se dizem defensoras das mulheres, vibram quando a primeira dama é atacada das formas mais desleais possíveis e isso tá longe de ser defesa das mulheres. Ela também lembra que o Governo Bolsonaro promulgou mais de 60 leis ou decretos em favor das mulheres, das quais ela destaca o aumento de 33% concedido aos professores em geral mas cuja imensa maioria é formada por mulheres e o auxílio emergencial de R$ 1.200,00 à família monoparental – em mais de 80% dos casos são famílias chefiadas por mulheres. Os títulos de posse agraria concedidos pelo governo federal são lavrados em nome da mulher, prioritariamente.


O deputado federal Capitão Augusto (PL-SP), líder da Bancada da Bala, também falou a nossa reportagem: ‘Dias atrás o futuro governador de SP, Tarcísio de Freitas (Republicanos), deu a maior demonstração de prestigio da Dani Alonso, não apenas compareceu a inauguração do seu comitê (em 17/09) mas declarou publicamente que ela seria sua representante no Oeste Paulista’.


Dani ainda fez questão de falar sobre Michelle Bolsonaro:


Tive o privilégio de encontrar com a 1ª dama algumas vezes e é impossível não notar o seu carisma e sua religiosidade. Ela é um exemplo para as mães, filhas e esposas de todo o Brasil. Não é à toa que sua presença nas redes sociais é mais forte que a maioria dos candidatos a presidente. Tanto que dois partidos de oposição entraram na justiça para diminuir sua participação no horário eleitoral. Isso é mais que respeito, é medo mesmo.’



Prof. Eduardo Negrao

Colunista do Jornal Estância de Atibaia, jornalista e escritor. Insta: @prof.eduardonegrao



Comments


anuncioNOVOconc.png
anuncioNOVOconc.png