CRUZADO DE DIREITA



JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA

Com: EDUARDO NEGRÃO


LIRA É CABRA MACHO!

O presidente da câmara Arthur Lira (PP-AL) fez valer sua autoridade e anunciou nessa sexta-feira que a PEC do Voto Impresso será levada a plenário da Casa. “Pela tranquilidade das próximas eleições e para que possamos trabalhar em paz até janeiro de 2023, vamos levar, sim, a questão do voto impresso para plenário” enfatizou o parlamentar. O fato acontece depois do voto auditável ter sido derrotado na Comissão especial da Câmara que envolveu troca de integrantes da comissão pelos partidos e até reunião com ministro do STF e presidentes de partidos. Após tantas traições, Bolsonaro parece ter encontrado um aliado à altura de suas atribuições.


“FUX BEIJOU OS PÉS DA MULHER DE CABRAL!”

A informação é do jornalista Reinaldo Azevedo. Em seu blog no portal UOL, Azevedo aponta que os padrinhos de Fux para sua nomeação ao Supremo Tribunal Federal foram Delfim Neto, ex-ministro da ditadura militar, Antonio Palocci, ex-ministro de Lula e Dilma, Condenado e delator; e (pasmem) João Pedro Stedile! Isso mesmo, nos governos de esquerda o líder dos sem-terra indicava ministro pro STF. Segundo o apresentador da Bandnews, Luiz Fux foi a casa do então governador do Rio, Sérgio Cabral – hoje preso, cumprindo 200 anos de pena – “ajoelhou-se, diante de todos, e beijou os pés de Adriana”. A mulher é Adriana Anselmo, ex-primeira dama do Rio, também sentenciada e, atualmente, cumprindo prisão domiciliar. Em qual país um integrante da Suprema Corte se curvaria para beijar os pés da esposa de um político?


SIGILO DE JORNALISTA PODE, DE ASSASSINO, NÃO!

Numa semana onde o sigilo de vários jornalistas responsáveis por diversos veículos de comunicação tiveram seus sigilos bancários quebrados a pedido da CPI da Covid-19 (?): Senso Comum, Brasil Paralelo, Terça Livre, Critica Nacional, Renova Mídia, Conexão Política e esse Jornal da Cidade Online ferindo garantias constitucionais de forma inédita e um ataque a liberdade de imprensa – alicerce de qualquer democracia. A justiça negou a quebra de sigilo bancário e fiscal do ex-vereador Jairinho (RJ) e de sua namorada Monique Medeiros. Eles são responsáveis pela tortura e morte do menino Henrique Borel, de 4 anos que chocou o país no início dessa ano. Jairinho era vereador no Rio há mais de 10 anos e tinha livre acesso as maiores autoridades do estado. Isso lembra o caso Adélio Bispo que cometeu o principal atendado político dos últimos 100 anos no Brasil e mesmo assim não teve a quebra do seu sigilo telefônico autorizado pela justiça. Huummm...


KASSAB & A TERCEIRA VIA.

Apesar de ter afastado o PSD da base bolsonarista desde que o STF ressuscitou politicamente o ex-presidente Lula, analistas avaliam que esse rompimento não é definitivo. Apesar de anunciar a provável filiação do presidente do senado, Rodrigo Pacheco ao PSD e o subsequente lançamento da sua candidatura à presidência da República em 2022 – Gilberto Kassab mantém as portas abertas a um acordo com J.Bolsonaro, que pode passar por ministério importante para o PSD ou talvez até a vaga de vice-presidente no lugar do General Mourão. Com a palavra novo ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira.

A FILHA GATA DO MINISTRO.

Nem só da aridez da política vive essa coluna. Na concorrida posse do ministro da Casa Civil, senador licenciado Ciro Nogueira (PP-PI) enquanto ocorria os tradicionais ‘beija-mão’ e rapapés, os internautas se focavam em outro aspecto. A belíssima filha do ministro e digital influencer, Duda Nogueira, posou para uma foto dentro do Palácio do Planalto que quebrou a internet. Duda tem 83 mil seguidores no instagram. A partir de hoje tem 83.001. Forte abraço Sogrão, digo, Cirão, kkk.


EXERCITO BRASILEIRO É OURO !

O sargento do exército, Hebet Conceição, conquistou a medalha de ouro no boxe, categoria, peso-médio. No jogos olímpicos de Tóquio vencendo por nocaute o campeão mundial da categoria, o ucraniano Oleksandr Khyzniak. Outra atleta do exército, a sargento Beatriz Ferreira já tem a medalha de prata garantida e pode trazer mais um ouro. Outros atletas-militares ganharam medalhas para o Brasil: Marcela Cunha (ouro na maratona aquática), Kahena Kunze (ouro na vela), Abner Teixeira (bronze no boxe) , Alison dos Santos (bronze, atletismo), Fernando Scheffer (bronze, natação) e Daniel Cargin (bronze no judô). Nossas Forças Armadas serão responsáveis por 40% das medalhas obtidas pelo Brasil mesmo assim a grande imprensa brasileira omite esse fato e não publica fotos de atletas batendo continência no pódio. Porque será...?


PRIVATIZAÇÃO DOS CORREIOS É EMINENTE.

A câmara dos deputados aprovou nessa quinta-feira, 05/08, o texto-base do projeto de lei que permite a privatização dos Correios. A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos existe desde 1969 nos moldes atuais. Suas origens remontam ao Correio-Mor criado pelo portugueses em 1663. Desde o final do governo militar os Correios só protagonizaram escândalos de corrupção e inépcia. O mensalão foi o pior deles quando um diretor da Empresa estatal, Mauricio Marinho, foi filmado recebendo propina para facilitar a vida de um fornecedor da ECT. O fundo de pensão dos funcionários dos correios, o Postalis, também é um poço sem fundo de corrupção. O Postalis se especializou em investir o dinheiro dos trabalhadores em empresas falidas como as universidades cariocas gama Filho e UniverCidade ou governos insolventes como a Venezuela e Argentina. A privatização dos Correios só significa uma coisa: fim da roubalheira. Quem é contra, quer que a roubalheira continue, simples assim.


___________________________________________________

Eduardo Negrao é jornalista e escritor. Instagram: @prof.eduardonegrao