publicidadeatfaculdade.png
AdvogadosEDITAIS.png
WhatsApp Image 2020-11-16 at 16.39.47.jpeg
ANUNCIE (1).png

CRUZADO DE DIREITA


JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA


Cruzado de Direita,

com: Eduardo Negrão



UMA TROPA DE ELITE PARA O SENADO 2022.


Bolsonaro tem ampla maioria na Câmara dos Deputados, uma casa que ele conhece muito bem, e deve mantê-la em 2023. No senado é uma outra história, para complicar apenas 27 das 81 cadeiras na mais alta casa legislativa do país será renovada. Por isso o governo quer maximizar as chances e está montando uma “tropa de elite” para isso. Capitaneados pelo ex-ministro do meio-ambiente Ricardo Salles que deve concorrer a uma vaga por São Paulo. Em Pernambuco o representante do presidente deve ser o ministro do Turismo, Gilson Machado. Em Goiás, a maior estrela do ministério, Tarcísio de Freitas, o rei do asfalto. No Rio Grande do Norte quem concorrerá para o senado será o ministro do Desen. Regional, Rogério Marinho. Em Santa Catarina, o bem humorado ‘Véio da Havan’, Luciano Hang. E no Paraná e no Distrito Federal teremos dois jornalistas, Oswaldo Eustáquio e Alexandre Garcia. Esse time é ‘osso duro de roer, pega um pega geral e também vai pegar você...”


DATAFOLHA ABANDONA A MANIPULAÇÃO E PARTE PARA FICÇÃO.


Segundo o Datafolha Fernando Haddad (PT) é o presidente da república, Manuela D’ávila (PC do B) é prefeita de Porto Alegre, Marília Arraes do PT – que o grupo Folha tanto ama – é prefeita do Recife e Guilherme Boulos é o prefeito de SP. Claro que nenhuma dessas previsões recentes feito pelo referido instituto de pesquisas se concretizou. A dura realidade é bem diferente das conjecturas do Datafolha: o presidente eleito por maioria esmagadora, gastando uma fração do que seus adversários gastaram, é Jair M. Bolsonaro, o prefeito de Porto Alegre é Sebastião Melo (MDB), o alcalde do Recife é o jovem João Campos (PSB) e a capital paulista é administrada pelo medebista Ricardo Nunes, vice-prefeito do falecido Bruno Covas. Na realidade paralela que o Grupo Folha se meteu (arrastando junto o UOL e o Instituto Datafolha). A pesquisa mais recente do instituto mostra um 2º turno fictício onde Lula teria 56% e Bolsonaro 31%. Nenhum dos analistas da Folha ou da grande imprensa se atreve a explicar porque Bolsonaro arrasta multidões por onde vai e Lula precisa que 20 policiais em 5 viaturas interditem uma praia para ele tomar um simples banho de mar !?!


É DIFICIL FAZER OPOSIÇÃO AO GOVERNO BOLSONARO.


Os redatores da Folha e do Globo se esforçam, os editores de imagem da Globonews e CNN tentam fazer mágicas mas a dura realidade é que os resultados dessa administração falam por si: as empresas estatais saltaram de um prejuízo de 35 bilhões de reais em 2015 para um lucro inédito de R$109 bilhões! Bolsonaro extinguiu 40 mil cargos e funções remuneradas. Os gastos em publicidade mergulharam de R$ 313 milhões de reais para R$ 19 milhões – uma queda de 90%. Aqueles ‘patrocínios esquisitões’ como R$ 132 milhões para Formula 1 ou R$ 200 milhões para clubes de futebol foram cancelados, uma economia de cerca de R$ 645 milhões de reais, quase meio bilhão. Ou seja empresas que discursavam sobre capitalismo e livre concorrência, agora terão vivencia-las na pratica. Bem-vindos ao nosso mundo Veja, UOL e Isto É (kkk).


CAIXA FEDERAL FOI TUNGADA EM 46 BILHÕES !


O presidente da C.E.F. revelou numa conferencia que o desvio de dinheiro no banco estatal chegou a absurdos R$ 46 bilhões – cerca de 9 bilhões de dólares e isso é muito dinheiro em qualquer lugar do mundo. Para ilustrar ele contou que apenas um superintendente da Caixa devolveu R$ 40 milhões. O salário dele era de 30 mil reais. Mesmo se ele não gastasse nenhum centavo do salário demoraria mais de 112 anos para ele acumular esse valor. Outro dado acachapante é que a CAIXA além das famosas duas torres na avenida Paulista, alugava mais 19 predios na mesma avenida. Isso mesmo, a CEF tinha 20 imóveis na mesma avenida na capital paulista. Por isso que a CAIXA vem apresentando lucros recordes como o aumento de 144% no 2º semestre de 2021. Como disse o gestor da estatal Pedro Guimarães, a fórmula é simples: é só não roubar, nem deixar roubar!


POLICIAIS VALORIZADOS. ATÉ QUE ENFIM!


Desde o governo Collor todos os presidentes (sem exceção) prometeram valorizar as forças de segurança mas coube a essa administração fazer a primeira ação concreta, em escala nacional, em prol dessa categoria que tanto arrisca pela sociedade que, por sua vez, raramente reconhece a importância desses guerreiros. O governo federal criou um novo projeto habitacional para os profissionais da segurança pública, o ‘Habite Seguro’. Esse plano será exclusivo para policias civil, militar, federal, bombeiros, guardas municipais e peritos. É pouco? Talvez mas já é um começo.


CORRUPTO PODE. POLICIAL, PROMOTOR E JUIZ NÃO!


Uma manobra legislativa fez que com a quarentena de 5 anos imposta a policiais promotores e juízes não possam ser candidatos antes desse hiato, fosse aprovada no apagar das luzes na Câmara Federal. Por essa nova norma nenhum policial civil, militar, magistrado, promotor sequer os guardas municipais poderão ser candidatos em 2022. Curioso os deputados terem tanta preocupação com a candidatura de profissionais da lei, quando se trata de corruptos e outros criminosos eles – com as honrosas exceções – se mostram bem mais compreensivos. Aliás o maior corrupto da história do país está apto para eleições de 2022 mesmo depois de uma sucessão de condenações. É...o Brasil não é para principiantes.


A NOMEAÇÃO DE MENDONÇA SUBIU NO TELHADO ?


A demora do senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) presidente da CCJ (Comissão de Constituição e justiça) em agendar a sabatina de André Mendonça, candidato indicado pelo presidente à uma cadeira no STF gerou irritação em alguns senadores. Alessandro Vieira (Cid-SE) e Jorge Kajuru (Pode-GO) entraram com uma ação no próprio Supremo contra Alcolumbre. Ao mesmo tempo começam a fazer lobby contra a nomeação de Mendonça o ‘ministro terrivelmente evangélico” que Bolsonaro havia prometido nomear. Enquanto isso o nome do PGR, Augusto Aras começa a ser cogitado para a vaga que seria de André Mendonça.


BOLSOGATAS!


A partir dessa semana vamos destacar jovens ativistas políticas que com seu trabalho e esforço voluntários constroem as bases de um novo país. Um Brasil que se reencontra com suas raízes cristãs, conservadoras, tendo no eixo principal da nação a família. Jessica Seferin é uma gaúcha de imensos olhos verdes que defende a posse de armas para homens e mulheres de bem. Não tem medo de puxar a orelha das feministas de esquerda que se calam diante dos abusos do Talebã contra mulheres afegãs ou de se deixar fotografar com um poderoso rifle Attacker FX 3 calibre 12 (foto) para delírio dos seus milhares de seguidores nas redes sociais. Só não descobri se ela é Inter ou Grêmio. Por que lá no Sul, acreditem, isso faz toda a diferença. E eu, como discípulo do saudoso Fábio Koff, sou tricolor tchê!!


__________________________________________________

Eduardo Negrao é jornalista e escritor. Insta: @prof.eduardonegrao