top of page
Banner_ESTANCIA_ATIBAIA_Ubs_Imperial_979x182.png
Banner_ESTANCIA_ATIBAIA_Ubs_Imperial_979x182.png
Buscar
  • Eduardo Negrão

Cruzado de Direita


Cruzado de Direita com: Prof. Eduardo Negrão
Cruzado de Direita com: Prof. Eduardo Negrão

JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA


Cruzado de Direita

com: Prof. Eduardo Negrão



TARCISIO MONTA SELEÇÃO DE CRAQUES PARA SEU SECRETARIADO.


O governador eleito de SP não está para brincadeira, alheio a questão da eleição presidencial e ciente do peso que SP terá frente a um hostil governo Lula, Tarcísio de Freitas monta uma equipe com nomes nacionais para se proteger do saco de maldades que os petistas preparam para seus adversários. De cara ele já nomeou o peso-pesado Gilberto Kassab para secretário de governo. Kassab é ex-prefeito de São Paulo, ex-ministro e presidente nacional do 5º maior partido do Brasil, o PSD, partido do qual Lula também precisará para ter presença forte no congresso. Intocável.


DEP. ROBERTO LUCENA, OUTRO CRAQUE NO TURISMO.
DEP. ROBERTO LUCENA, OUTRO CRAQUE NO TURISMO.

DEP. ROBERTO LUCENA, OUTRO CRAQUE NO TURISMO.


Outro convocado para a ‘seleção do Tarcísio’ foi veterano do congresso, deputado Roberto Lucena (Republicanos) Após mais de dez anos de atuação no Congresso Nacional, encerrando o mandato atual em 31 de dezembro, voltará à titularidade da Secretaria Estadual de Turismo, dessa vez respondendo para o governador eleito Tarcísio de Freitas. Lucena é do ramo, dentro da Câmara, o novo secretário é membro da Comissão permanente de Turismo desde 2016, concentrando o debate de pautas pertinentes para o desenvolvimento de projetos e pleitos de fomento ao setor. Historicamente o turismo é desprezado pelas gestões tucanas – apesar do imenso potencial que o estado tem. Com Lucena, o governador sinaliza que não incorrerá nesse erro.



PRESIDENTE DA PETROBRAS E MEDALHISTA OLIMPICA TAMBÉM ESTARÃO NO SECRETARIADO DE TARCÍSIO.


Pres da Petrobras e Medalhista olímpica (Maurren Maggi)
Pres da Petrobras e Medalhista olímpica (Maurren Maggi)

Num movimento inédito o presidente da Petrobras, Caio Paes de Andrade, abrirá mão do cargo de CEO da maior empresa da América do Sul para assumir a Secretaria de Gestão e Governo Digital na gestão de Tarcísio de Freitas. Caio será encarregado de realizar uma “revolução digital” em São Paulo. É importante lembrar que o Brasil hoje ocupa a segunda posição mundial em termos de governabilidade digital, e isso se deve a essa equipe que o Caio pertenceu até agora, ele cuidou do processo de digitalização com amplo sucesso. Foi exatamente essa parte do currículo que o fez ser escolhido pelo governador Tarcísio. Outra provável nomeação será Maurren Maggi para Secretaria de Esportes, medalhista de ouro no salto em distância nos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008.



DIRETORES DO TWITTER TENTARAM BRINCAR DE DEUS. AGORA AMARGARÃO NO PURGATÓRIO.


Na última sexta-feira, uma série de tuítes chamada de “The Twitter Files” (Os Arquivos do Twitter), postados pelo jornalista e escritor Matt Taibbi, trouxe à luz um apanhado de mensagens trocadas entre funcionários da empresa, incluindo seus mais altos executivos. Pelo teor das mensagens, fica claro que essas pessoas decidiram se utilizar do poder da plataforma para censurar visões políticas diferentes das suas, para influenciar eleições e para prejudicar e calar influenciadores conservadores. E isso impactou fortemente as eleições presidenciais americanas em 2020. E, talvez, até a brasileira. A primeira leva de documentos também traz à tona a história do laptop de Hunter Biden (filho de Joe Biden), com detalhes impressionantes. As ações proativas do Twitter incluíram a suspensão da conta da então porta-voz da presidência, Kaleigh McEnany; a supressão de milhares de postagens que traziam conteúdo proveniente da reportagem do NY Post sobre o filho de Biden; e até mesmo a supressão de mensagens diretas, uma medida até então reservada apenas a casos extremos como a troca de mensagens criminosas entre pedófilos.


O IMPÉRIO (DOS MARAJÁS) CONTRA-ATACA!


O presidente do Senado Rodrigo Pacheco parece cada vez mais um vilão da DC COMICS. Como um coringa que não se constrange em ser braço auxiliar do Lex Luthor. E nesse momento que se pede ao presidente do Senado se coloque como contraponto aos abusos cometidos pela cúpula do Judiciário, eis que Rodrigo Pacheco (PSD-MG) está empenhado no exato oposto: em afagar a magistratura. Apesar do recuo temporário na votação da PEC 63/2013, Pacheco, advogado de formação, ainda quer votá-la antes do início do recesso parlamentar. A proposta ressuscita um privilégio extinto em 2006, o quinquênio, um adicional de 5% no salário dos juízes – e também dos membros do Ministério Público – que é incorporado ao contracheque a cada cinco anos de trabalho. A PEC saiu do limbo em maio deste ano, quando entidades representativas da magistratura pressionaram o então presidente do STF, Luiz Fux, que por sua vez levou o pedido a Pacheco. Cinicamente, Pacheco alega que os magistrados e membros do MP precisam ser “compensados” pelas “privações” que têm, como se fosse “privação” iniciar a carreira já recebendo dezenas de milhares de reais por mês, o que coloca esses profissionais no topo do topo da pirâmide socioeconômica nacional.




Prof. Eduardo Negrao

é jornalista e escritor. Insta: @prof.eduardonegrao

Komentar


anuncioNOVOconc.png
anuncioNOVOconc.png