Empresa que vende itens de supermercado online, chega a Atibaia e oferecendo renda para população


Empresa que vende itens de supermercado online, chega a Atibaia e oferecendo renda para população
Favo em Atibaia

JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA


Pioneira no modelo de venda online de itens de supermercado por meio de empreendedores locais, a empresa oferece comissões que podem chegar a 15%


A Favo, startup que popularizou o social commerce na América Latina com a venda de itens de supermercado online através de empreendedores locais, gerando renda enquanto democratiza o acesso às compras virtuais, anuncia a sua chegada a Atibaia e Bragança Paulista. As operações no interior paulista iniciaram com rápida adesão de empreendedores e consumidores ao social commerce, modelo de compras já consagrado no mercado internacional.


Criada para ser um negócio de impacto social, a Favo conta com os empreendedores locais para fazer a ponte final entre a empresa e os consumidores. Por este relacionamento, que inclui ainda a organização e entrega final dos itens para os clientes, os empreendedores recebem comissões que variam de 7,5% a 15% sobre o volume de vendas realizadas e muitas vezes superam os R$3 mil em renda extra por mês.


“Com a chegada no Vale do Paraíba queremos atender regiões além da grande São Paulo, ampliando a quantidade de empreendedores e clientes atendidos pela Favo. Só conseguimos isso pela força das comunidades, dos vizinhos. Já somos milhares de empreendedores e comercializamos mais de 3 mil itens de 350 marcas conhecidas e que já fazem parte do dia a dia das pessoas. Estamos nos conectando com muita gente”, comenta Marina Proença, Cofundadora da Favo.


Um bom exemplo é a dona de casa Fernanda Ponce, 34 anos, que desde outubro do ano passado passou a dedicar parte de seu tempo para vender itens de supermercado para seus vizinhos e contatos no Whatsapp. Desempregada e com dois filhos pequenos, passou a utilizar a plataforma de social commerce Favo como fonte de renda extra para a família através de comissões de vendas realizadas para vizinhos que moram próximo de sua casa, no interior paulista.


Expansão acelerada


Lançada em 2019, a Favo já atraiu investidores de peso para o seu modelo de negócio. Em sua rodada seed, recebeu aporte de investimentos de R$ 35 milhões de fundos de venture capital, como o GFC (Global Founders Capital), MSA Capital, FJ Labs, H2O, Positive Ventures e Elevar Equity, os dois últimos voltados exclusivamente a investimentos de impacto social. Também participaram da rodada investidores individuais, como Kevin Efrusy e David Vélez, fundador e CEO Global do Nubank. Em outubro de 2021, a startup fechou a captação de sua rodada série A, num total de R$ 141 milhões, liderada pela Tiger Global, grande investidor global em tecnologia, e acompanhada pelos demais investidores que já faziam parte do capital da empresa.


Com os novos recursos, a Favo tem se expandido pelo Brasil. No fim de 2021 chegou ao interior paulista, Minas Gerais e no início de 2022 chegou em Salvador e região. Recentemente também concluiu a aquisição do seu próprio Centro de Distribuição na cidade de Osasco (SP). O novo CD é 7,5 vezes maior do que o anterior, tendo um espaço de 6 mil m². A empresa conta também com outro CD próprio em Lima, no Peru. Para este ano, a empresa pretende desembarcar em outros estados brasileiros. Essa ampliação da operação, que agora se estende em direção a Salvador e região metropolitana, vai reforçar ainda mais os números da companhia.



Sobre a Favo

A startup que popularizou o social commerce na América Latina, vende itens de supermercado online através de empreendedores locais, gerando renda enquanto democratiza o acesso às compras virtuais. A empresa foi fundada em outubro de 2019 no Peru, por Alejandro Ponce, hoje CEO da empresa. Em 2020, desembarcou no Brasil sob o comando de Marina Proença, cofundadora. A Favo nasceu da certeza de que tudo pode ser mais justo e oferece produtos mais baratos de supermercado com serviço conveniente e bom atendimento para seus clientes. Conta com mais de 3 mil produtos em estoque, 350 marcas diversas e já processou mais de 700 mil pedidos. A empresa gera dinheiro no bolso dos mais de 15 mil empreendedores que entregam os pedidos aos clientes e não precisam fazer nenhum investimento além do seu tempo. Conta com dois Centros de Distribuição próprio, um em Lima, no Peru, e outro em Osasco (SP), além de novo CD em Belo Horizonte (MG) em parceria com a Smart Logística com dimensão de até 10 mil m².



Noticias de Atibaia
WhatsApp Image 2021-12-06 at 14.47.56.jpg
WhatsApp Image 2020-11-16 at 16.39.47.jpeg