Publicado neste jornal em 27112021 as 0950hs (6).png
WhatsApp Image 2020-11-16 at 16.39.47.jpeg
WhatsApp Image 2021-12-06 at 14.47.56.jpg
WhatsApp (1)JORNALESTANCIA.png

Médico é preso suspeito de estuprar pacientes na Santa Casa de Piracaia



PIRACAIA SP
Santa Casa de Piracaia

JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA


Ele foi acusado de levar a mão da paciente de 16 anos até a genital dele durante uma consulta. Outra paciente, de 19 anos, também relatou abuso.

Um médico foi preso por suspeita de estuprar pacientes na Santa Casa de Piracaia. A prisão ocorreu nesta segunda-feira (25) e, segundo o boletim de ocorrência, ele teria tentado levar a mão de uma adolescente até a região genital dele.


De acordo com a Polícia Civil, uma jovem de 19 anos foi até o hospital para uma consulta, acompanhada de uma amiga adolescente de 16 anos. A jovem disse ao médico, de 72 anos, que suspeitava estar grávida e, segundo o relato dela no boletim de ocorrência, após ele explicar os métodos contraceptivos a ela, teve início o exame. Ele teve a prisão convertida em preventiva pela Justiça nesta terça-feira (26). Ele nega os crimes


As duas passaram por consulta com ele. Na segunda consulta, durante o atendimento à adolescente, ele pediu para que ela deitasse na maca e teria passado a massagear os seios dela, fazendo um alerta sobre um possível futuro problema de inflamação no mamilo.

Ele teria pedido para que ela baixasse a calça e teria massageado a barriga dela e informado em seguida que seria necessário fazer um exame de toque.


A sala foi preparada e, ao entrar nela, ele pediu que a adolescente tirasse a roupa. Ao perceber que ela estava constrangida, ele a levou para atrás de um biombo. Durante o exame de toque, que durou cerca de cinco minutos, ele teria tentado levar a mão da paciente até a região genital dele. A adolescente puxou a mão e a consulta foi encerrada.


A jovem de 19 anos também relatou abuso do médico. Junto com a amiga, elas buscaram orientação com uma enfermeira, registraram uma reclamação contra o profissional e foram até a delegacia registrar o boletim de ocorrência contra o médico.


O que diz a Santa Casa de Piracaia

Em nota, o hospital informou que o profissional foi afastado das funções imediatamente e que colabora com as autoridades para a apuração do caso.


Ainda segundo a Santa Casa, a empresa terceirizada responsável pela contratação do médico "toma as devidas cautelas" no recrutamento e que ele tem situação regular junto ao Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo.





Fonte: G1

ATIBAIA Notícias