WhatsApp Image 2022-08-05 at 15.21.46
WhatsApp Image 2022-08-05 at 15.21.46

Algodão Doce Kids & Baby

press to zoom
Procura Dobby
Procura Dobby

A Procura por Dobby

press to zoom
Seguros
Seguros

seu Seguro esta Aqui

press to zoom
WhatsApp Image 2022-08-05 at 15.21.46
WhatsApp Image 2022-08-05 at 15.21.46

Algodão Doce Kids & Baby

press to zoom
1/11

Presidente da Câmara esclarece informações sobre condenação da Prefeitura por conta da Sou Atibaia.


JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA


A ação foi motivada pela recusa do aumento da tarifa por parte do município


Na sessão de terça-feira, 12 de julho, em Explicação Pessoal, o presidente da Câmara Julio Mendes comentou sobre a condenação em primeira instância contra a Prefeitura, que terá que pagar uma multa à prestadora de transporte público Sancetur – SOU Atibaia.

De acordo com o vereador, a ação foi motivada pela recusa do Executivo em reajustar o valor da tarifa. “O aumento não foi concedido justamente pela qualidade do transporte público da cidade. A rejeição serve como uma forma de alertar a empresa que o serviço oferecido precisa ser melhorado”, afirmou.

O presidente ressalta que as dificuldades financeiras causadas pela pandemia afetaram o desempenho da empresa. Segundo ele, anteriormente, foram investidos subsídios para assegurar uma melhora no serviço e evitar um possível aumento da tarifa. Após o investimento, o desempenho do setor foi analisado com o intuito de apurar se realmente houve uma evolução.

“Recebemos reclamações diariamente em relação ao transporte público na cidade e temos consciência da condição do serviço ofertado pela empresa. Continuaremos cobrando o Executivo para que a população possa ter acesso a um transporte público de mais qualidade”, finalizou Julio Mendes.



Câmara aprova projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias


Com a aprovação, Legislativo entra em recesso na próxima semana


Em sessão extraordinária realizada na manhã desta sexta-feira, 15 de julho, a Câmara aprovou o Projeto de Lei n° 32/2022, de autoria do Poder Executivo, que dispõe sobre as Diretrizes Orçamentárias para a elaboração da Lei Orçamentária de 2023, e dá outras providências. O conteúdo foi analisado pela Câmara e apresentado à comunidade para discussão em audiência pública.


Com a aprovação da LDO e cumprindo o Regimento Interno e a Lei Orgânica do Município, o Legislativo entra em recesso a partir do dia 18 de julho e retorna no próximo mês, com sessão ordinária marcada para o dia 2 de agosto.


“Durante este período, as sessões, comissões e tramitações dos projetos de leis estarão suspensas, mas a Câmara segue normalmente com seus serviços administrativos e com atendimento ao público realizado por vereadores e assessores”, explicou o presidente da Câmara, Júlio Mendes.

Vereador Júlio Mendes
Vereador Júlio Mendes

Júlio Mendes comenta sobre mudança de local da UBS do bairro da Usina


A construção de uma nova UBS está sendo planejada na região


O presidente da Câmara Júlio Mendes abordou, em Tema Livre na sessão de 12 de julho, a realocação da Unidade Básica de Saúde do bairro da Usina. Segundo ele, a mudança se fez necessária por conta da reforma e ampliação da Escola Paulo Freire.

Ele ressalta que, independentemente das obras no colégio, a construção de uma nova UBS na região já estava sendo planejada por conta do aumento de demandas provocado pelo rápido crescimento populacional no município. “A ideia é construir um prédio maior que possa atender com qualidade e eficácia a população”, afirmou.

Segundo ele, foi destinada uma área para a construção do novo prédio, ampliando o atendimento médico da unidade com outras especialidades que não eram ofertadas em virtude do espaço limitado da antiga instalação.

“Parte dos recursos foram cedidos pelo Governo do Estado, através do deputado estadual Rafa Zimbaldi. Já o restante será viabilizado pelo município. O importante é comunicarmos a população que em breve será entregue uma nova Unidade Básica de Saúde na região”, concluiu Júlio Mendes.



Edição: Bruno Papini