WhatsApp Image 2022-08-05 at 15.21.46
WhatsApp Image 2022-08-05 at 15.21.46

Algodão Doce Kids & Baby

press to zoom
Procura Dobby
Procura Dobby

A Procura por Dobby

press to zoom
Seguros
Seguros

seu Seguro esta Aqui

press to zoom
WhatsApp Image 2022-08-05 at 15.21.46
WhatsApp Image 2022-08-05 at 15.21.46

Algodão Doce Kids & Baby

press to zoom
1/11

Presidente da Câmara Júlio Mendes aborda superlotação na Santa Casa de Atibaia


vereador Júlio Mendes
vereador Júlio Mendes

JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA


Continuaremos cobrando do Poder Executivo melhorias para a Saúde da cidade, garantindo um atendimento de qualidade”, afirmou


Em Explicação Pessoal, o presidente da Câmara vereador Júlio Mendes (PL) comentou durante a sessão de terça-feira, 28 de junho, sobre a superlotação na Santa Casa de Atibaia.


Segundo ele, os motivos seriam a falta de vagas no Departamento Regional de Saúde de Campinas (DRS VII), dificultando o remanejamento de pacientes de média e alta complexidade, e o atendimento às cidades vizinhas.

“Um dos motivos da superlotação na Santa Casa se deve à falta de vagas direcionadas para pacientes de média e alta complexidade. Hoje o município depende do Governo do Estado e da DRS de Campinas para fazer a transferência de pacientes. Outra questão importante é que a Santa Casa acaba absorvendo o atendimento de outras cidades, contribuindo para a superlotação”, constatou o vereador ao Jornal Estância.

Mendes também ressaltou a importância da agilização do Hospital Público Municipal para uma melhor experiência aos usuários do serviço. “Há a necessidade de um espaço físico maior que atenda às necessidades da população. Continuaremos cobrando o Poder Executivo para que o Hospital Municipal se torne realidade, garantindo para a população um atendimento de maior qualidade”, concluiu Júlio.


Julio Mendes
Julio Mendes

Julio Mendes comenta sobre nova intervenção na Santa Casa de Atibaia


Vamos continuar batalhando e cobrando por mais melhorias para esse equipamento público de Saúde”, afirmou


Na sessão de terça-feira, 28 de junho, o presidente da Câmara, Julio Mendes, também comentou sobre a questão da Santa Casa de Atibaia. “Essa é uma questão que vem sendo debatida nesta Casa de Leis há muito tempo. Estou em meu segundo mandato e desde então estamos lutando por melhorias para esse equipamento público de Saúde”, afirmou.


“É inadmissível que a Santa Casa esteja sob intervenção há 21 anos. Vários Governos passaram e até o momento esse problema não foi solucionado de uma vez por todas. Hoje a estrutura não comporta a demanda, a cidade se desenvolveu, a população cresceu e a demanda do atendimento praticamente quadruplicou ao longo dos últimos anos. Então é necessária uma reestruturação urgente no espaço para acomodar melhor a população e oferecer um atendimento de qualidade, mas para isso é preciso investimentos de todas as esferas de Governo: município, Estado e União”, explicou Julio.


O presidente da Câmara discorreu ainda sobre a coletiva de imprensa com o prefeito e a secretária Municipal de Saúde sobre a Santa Casa de Atibaia. “A Prefeitura anunciou algumas medidas e ações que estão sendo tomadas para melhorar o atendimento na unidade, como a criação de uma Comissão Intervencionista, formada por agentes públicos e um representante da equipe técnica do hospital, para a gestão da Santa Casa”, relatou.


“Espero que em breve a população tenha à disposição um equipamento público adequado, com mais espaço, como o Hospital Municipal. Não fosse a suspensão da obra por uma medida judicial promovida por um partido político, esse hospital já estaria em funcionamento.


Felizmente o laudo pericial foi favorável ao modelo econômico-financeiro escolhido pela Administração Municipal, o de Locação de Ativos, considerado mais vantajoso do que a modalidade tradicional, portanto torcemos para que as obras sejam retomadas o mais rápido possível. Mas até a conclusão do Hospital Municipal, vamos continuar batalhando e cobrando por mais melhorias e investimentos para a Santa Casa, com o objetivo de oferecer um atendimento de qualidade a todos os usuários”, concluiu Julio Mendes.

Edição: Bruno Papini