WhatsApp Image 2020-11-16 at 16.39.47.jpeg
AdvogadosEDITAIS.png
Publicado neste jornal em 27112021 as 0950hs (6).png
anunvioio (1).png
WhatsApp Image 2021-11-25 at 10.15.02.jpeg
Sem títuloclasificada.png

Rede municipal retornam às aulas presenciais e seguem utilizando Plataforma de Ensino Remoto


JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA

Após recesso escolar, estudantes retomaram participação tanto nas atividades presenciais quanto remotas


Com o retorno das aulas na rede municipal após o período de recesso escolar, a Prefeitura da Estância de Atibaia ressalta aos alunos e seus responsáveis a importância da realização das atividades/vivências por meio do acesso à Plataforma de Ensino Remoto. Conforme a Secretaria de Educação, além das atividades presenciais – que ainda acontecem com limitação de capacidade em virtude da pandemia de Covid-19 – o acesso dos estudantes à plataforma é indispensável para realizar as propostas oferecidas pelos professores e fortalecer o vínculo entre família e escola.


Desde o início do ano, a Plataforma de Ensino Remoto vem sendo aprimorada pela Prefeitura para garantir o direito à Educação e o atendimento pedagógico a todos os estudantes neste período em que há a necessidade de distanciamento social.


A plataforma é o ambiente virtual onde são oferecidas as propostas de atividades e vivências para as crianças matriculadas nas escolas de Atibaia. Cada escola planeja e disponibiliza, no sistema on-line, vídeos, imagens, atividades, vivências e ilustrações para o desenvolvimento de todos os estudantes em um ambiente criativo.


Para acessar a plataforma e navegar por ela é muito fácil: basta clicar no endereço avaliativaead.com.br/atibaia , inserir o primeiro nome do aluno + sobrenome + data de nascimento, em letra minúscula e sem espaços, tanto no campo de usuário, quanto no campo de senha. Em caso de dúvidas, a escola deverá ser contatada.


Na rede municipal de Atibaia, as aulas presenciais voltaram de forma gradual em fevereiro. A frequência presencial, porém, é facultativa, ou seja, os pais ou responsáveis que preferirem poderão manter seus filhos em casa, desde que participem ativamente das atividades remotas.