SAAE Atibaia faz alerta para uso consciente da água no município


JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA

Durante o período de seca é fundamental que os cidadãos evitem o desperdício e reduzam o consumo sempre que possível


Entre os meses de junho e setembro, o Estado de São Paulo está sob alerta de emergência hídrica, emitido pelo governo federal, por conta da previsão de pouco volume de chuvas para o período. O sistema Cantareira, por exemplo, que abastece parte da capital paulista e outras cidades do Estado, perdeu 3,20% da sua capacidade máxima nos últimos 30 dias, o que corresponde a 3.142 milhões de litros, que são equivalentes a 157.120 caminhões pipa de 20.000 litros. Atenta a essa questão, a Prefeitura de Atibaia faz um apelo para o uso consciente da água no município, evitando desperdícios e reduzindo o consumo sempre que possível.


Situação do município

Atibaia passa, como todos os municípios da região, por um período de seca. Com o baixo índice de chuvas, o volume de água do Rio Atibaia, que abastece grande parte do município, vem diminuindo gradativamente.

O Córrego do Onofre, manancial que mais vem sofrendo com a estiagem, teve uma significativa redução de vazão nas últimas semanas e está praticamente restrito à captação. Apesar de menor, é de suma importância para o abastecimento do município, pois supre cerca de 25% da população.

De acordo com a Organização das Nações Unidas, cada pessoa necessita de 3,3 mil litros de água por mês (cerca de 110 litros de água por dia para atender as necessidades de consumo e higiene). No entanto, no Brasil, o consumo por pessoa pode chegar a mais de 200 litros/dia.


Economizar para não faltar

A prática do consumo consciente de água não significa deixar de usar o recurso, especialmente durante a pandemia de Covid-19 para lavar as mãos, mas sim repensar as suas formas de uso.

Por isso é fundamental o uso racional desse recurso para que não falte e, para tanto, algumas práticas podem ajudar:

• Instale caixa de reservação com garantia de abastecimento mínimo de 24 horas. Ela garante autonomia em casos de interrupção por manutenção ou qualquer eventualidade;

• Distribua as tarefas que consomem água durante a semana, evitando sobrecarga de consumo, principalmente nos finais de semana;

• Reutilize água da máquina para lavar o quintal e outras tarefas afins;

• Tome banhos curtos e evite deixar a torneira aberta desnecessariamente;

• Preste atenção e conserte eventuais vazamentos na sua casa;

• Adote dispositivos que ajudam na redução do consumo de água, como o arejador de torneiras, o restritor de vazão, bacias sanitárias VDR e válvulas automáticas para mictórios.