Turismo de Atibaia participa de evento em Porto Alegre


JORNAL ESTÂNCIA DE ATIBAIA


Feira de negócios turísticos objetiva proporcionar atualização, conhecimento, relacionamento e oportunidades de negócios


Nos dias 30 e 31 de julho, a Secretaria de Turismo de Atibaia participou da 35ª Feira de Negócios Turísticos UGART, a maior feira de agentes de viagens do sul do país. Por ser uma cidade estância, Atibaia conta com estande próprio do turismo paulista no evento e participou presencialmente junto às estâncias do Guarujá e Circuito Litoral Norte (Ubatuba, São Sebastião, Ilhabela e Bertioga).


A 35ª edição do evento teve como slogan “Um mundo de ideias – Atualização, Conhecimento, Network e Negócios” e buscou proporcionar novas ideias e oportunidades de negócios para os agentes de viagens por meio de capacitações, conexões, palestras e rodadas de negócios. Na feira, o turismo nacional está representado pelos estados de São Paulo, Amazonas, Bahia, Pará, Paraná, Rio Grande do Norte, Ceará, Pernambuco, Espírito Santo e Rio Grande do Sul.


A Feira de Negócios Turísticos é realizada pela União Gaúcha das Operadoras e Representantes de Turismo – UGART, com apoio da Associação Brasileira das Agências de Viagem do Rio Grande do Sul – ABAV-RS e Sindicato das Empresas de Turismo do Rio Grande do Sul – Sindetur-RS. A organização e comercialização é realizada pela Glass Eventos.


Investimento certo Atibaia está entre as 100 melhores cidades do Brasil para investir, segundo o estudo “Melhores Cidades para Fazer Negócios”, uma pesquisa realizada anualmente desde 2014 pela empresa Urban Systems, especializada em inteligência de mercado, para a revista Exame. Só neste ano, 1.500 empresas foram abertas e 857 novos empregos com carteira assinada gerados, além de mais de R$ 700 mil investidos em empresas voltadas à inovação pelo Programa Inovati e uma economia de mais de R$ 10 milhões por ano gerada com a nova reforma administrativa.


A última edição do estudo “Melhores Cidades para Fazer Negócios” apresenta não somente as cidades com oportunidades para o desenvolvimento de cada setor, mas também aquelas que apresentaram estratégias para continuar a crescer e manter a atratividade, mesmo diante das adversidades e desafios colocados pela pandemia.